Neilton Pereira Santos, explanando sobre o 5º Baile da Família, que será realizado na Colônia Treze

por Administrador publicado 20/03/2018 15h00, última modificação 23/03/2018 14h00
No pequeno expediente da sessão desta terça-feira, 20, o primeiro vereador a usar a tribuna foi Josivaldo dos Brinquedos, externando apoio à luta em prol do Síndrome de Down, ressaltando a consciência e a responsabilidade por parte da sociedade.

2.jpg

O segundo inscrito, Fábio Frank, comentou acerca do Dia Internacional do Síndrome de Down e sobre agressão verbal deferida por uma juíza contra uma auxiliar de educação por esta possuir a síndrome e estar exercendo a função. Informou ainda sobre as inaugurações de obras concluídas no município, ressaltando a pavimentação de parte da rodovia que dá acesso à cidade de Itabaiana, e de ruas no Loteamento Nossa Senhora da Piedade, próximo ao Hospital Universitário; e que já foram iniciadas as pavimentações das ruas próximas ao Mundo dos Toldos, calçamentos realizados com o excedente dos recursos federais.

3.jpg

O terceiro inscrito, Washington da Mariquita, falou sobre a indicação que solicita erradicação de casas de taipa localizadas no Povoado Piabas. Finalizando, convidou os presentes para comparecerem à inauguração de uma obra no referido povoado, onde o Prefeito e o Governador do estado estarão presentes.

5.jpg

Na ordem do dia, foram aprovados os seguintes Projetos:

- O de Lei nº 02/2018 (em redação final), de Creusa do Oiteiros e Josivaldo dos Brinquedos, em que reconhece como Patrimônio Histórico e Cultural de Natureza Imaterial, a feira livre do município de Lagarto.

- O de Resolução (em primeira discurssão), de Fábio Frank, que concede título de cidadania lagartense ao Sr. Gleyson Parente Pereira. Discorrendo que o homenageado constituiu família no município de Lagarto, é policial, capitão da polícia de Sergipe, pessoa de boa índole.

No grande expediente, o primeiro inscrito, JC, comentou sobre as contas para aprovação do ex-prefeito José Rodrigues dos Santos (Zezé Rocha), e que tendo conversado com alguns vereadores, espera que não exista nenhuma dificuldade para a aprovação. Informou também que trará Márcio Macedo para esclarecer as razões e os motivos dessas contas serem reprovadas pelo Tribunal de Contas. Questionou, ainda, os motivos pelos quais o Tribunal de Contas envia contas de 12 anos atrás para que sejam aprovadas ou não pelos atuais parlamentares, e que Zezé Rocha não mais tem interesses na política, mas seu interesse é gerar emprego em Lagarto.

6.jpg

O segundo orador, Clayton Moore, externando os seus sentimentos pelo ocorrido com vereadora do Rio de Janeiro, que foi silenciada da forma mais grotesca.

4.jpg

Finalizando, fez uso da palavra Neilton Pereira Santos, explanando sobre o 5º Baile da Família, que será realizado na Colônia Treze.

12.jpg